Bem vindo
Quem sou eu
Serviços oferecidos
Manejo Reprodutivo
Ciclo estral em cadelas
Inseminação artificial
Momento de inseminar
Citologia vaginal
Vaginoscopia
Progesterona
Colheita de sêmen
Sêmen-Espermograma
Sêmen refrigerado
Banco de sêmen
Sêmen congelado
Gestação
Parto
Neonatologia
Cuidados com os filhotes
Doenças da reprodução
Cursos e palestras
Contato
 


O Banco de Sêmen é o local onde é processado e armazenado o sêmen congelado.

Para congelar o sêmen de um cão, ele deve ser negativo no momento da coleta do sêmen para sorologia de herpesvirus, brucelose e leptospirose além de ter o seu perfil de DNA identificado.

Amostras para sorologia destes exames são colhidos e enviados para um laboratório de referência.

O DNA proveniente de células colhidas da mucosa oral,  sangue ou do pelo do animal são enviados para Laboratório de Genética da Faculdade de Medicina Veterinária da Universiddade Federal de Minas Gerais para isolamento e determinação do perfil de DNA.

Existe documentação a ser preenchida pelo proprietário do cão bem como pelo responsável do banco de sêmen que deve ser enviada para a CBKC, órgão que controla a cinofilia no Brasil.

‎~° ~° ~° ~° ~°
O congelamento, ou criopreservação, do sêmen é um processo pelo qual os espermatozóides são preservados em baixas temperaturas (-196°C) em nitrogênio líquido (botijões) para utilização posterior. Durante este processo, aos espermatozóides é adicionada uma solução denominada diluidor. Este diluidor tem função de nutrir e proteger os espermatozóides durante e após o congelamento (descongelamento). Na verdade o processo de congelamento, nada mais é do que a desidratação da célula espermática e o de descongelamento uma re hidratação. 

~° ~° ~° ~° ~°

~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~°
----------------------------------------------------------------------------
Congelamento de sêmen de cães... É bom saber!!!

1) A idade ideal para o procedimento no macho é entre 2 a 5 anos. Existem machos, independente da idade, cujo sêmen não congela bem. A isso chamamos de variação individual.
2) O sêmen deve apresentar, recém colhido, motilidade espermática acima de 80% e menos do que 20% de defeitos
3)Existe uma perda de 30% a 50 % em média no processo de congelamento e descongelamento.
4) A quantidade de doses inseminantes (quantas fêmeas podem ser inseminadas) é diretamente proporcional a concentração (qualidade seminal) e qualidade seminal pós descongelamento.
5)Para a inseminação é necessário, além de outros exames, o controle hormonal (progesterona) da fêmea quase que diário.
6)O correto é a realização de duas inseminações intra-uterinas
7)As taxas de gestação positivas variam de 20% a 50%
----------------------------------------------------------------------------
~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~° ~°



A figura acima é de um botijão de nitrogênio onde é armazenado o sêmen congelado.